sábado, 8 de janeiro de 2011

NÓTULAS DE APREÇO À VIDA








-I-
Ante o concerto divino,
no Espaço-Tempo, sem fim,
vejo-me tão pequenino
que sinto pena de mim...

-II-
Junto ao vazio esplendor
do mausoléu de um suicida,
numa cova rasa, em flor,
leio o epigrama da vida.

-III-
Morrer não seduz aos fortes.
Se sofres, pára  e  reflete.
E tanto quanto o suportes
leva a cruz que te compete!

-IV-
Nossa vida a Deus pertence.
Manter-se vivo é um dever.
Se ilude quem fale ou pense
que tem direito a morrer.

-V-
Crê em Deus. Em Deus espera,
não te furtes de lutar!
Deus deu-te a vida. Pondera:
que mais não te pode dar?

-VI-
Apaga-se um sol no espaço
e já um outro reluz.
É a vida, no seu compasso,
A vida jorrando a flux!

-VII-
“Esperar!” - Lição divina
que o céu bem sabe exprimir:
Num extremo o sol declina,
no outro irá ressurgir.

-VIII-
Escuta, amigo, este aviso:
- Foge aos horrores do ópio!
Ninguém faz, em são juízo,
Experiência em si próprio.

-IX-
Não imagines tragédias.
Poupa-te desses delírios!
Quem ama suporta e vence
os mais atrozes martírios!

-X-
- Pena de morte? – Sou contra!
Nada há que a legitime.
É um paradoxo, uma afronta:
Um crime como o outro crime!

-XI-
- Barra a idéia do suicídio.
Sorve a taça do teu fel!
O mundo não é um presídio.
Olha os pássaros no céu...

-XII-
Porque sai batendo as portas
do mundo e execrando a vida,
Um mundo de coisas mortas
abre as portas ao suicida.



(Trovas de Sersank, parte integrante do livro "Estado de Espírito")


5 comentários:

Sersank disse...

Sobre “NÓTULAS DE APREÇO À VIDA”
Do site
www.luso-poemas.net

TÂNIA MARA CAMARGO
Publicado: 08/01/2011 21:54
NIA MARA CAMARGO


Publicado: 08/01/2011 21:54 Atualizado: 08/01/2011 21:54
Colaborador

Tânia Mara Camargo


Usuário desde: 11/9/2007
Localidade:
Mensagens: 5059
Re: NÓTULAS DE APREÇO À VIDA

Bravos! Quadras de apreço à vida
e tem tanta gente que só faz se
auto-destruir.
bjs,
Tânia

Ler mais: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=169717#ixzz1AUydzMyB
Under Creative Commons License: Attribution Non-Commercial No Derivatives

Sersank disse...

Usuário desde: 13/1/2010
Localidade: Londrina-PR BRasil
Mensagens: 92
Online!
Re: NÓTULAS DE APREÇO À VIDA
Obrigado, Tânia.
É verdade. A vida é o nosso patrimônio maior. Mas, é comum que, de uma forma ou outra, nós a dissipemos lentamente, no decorrer dos dias, até sem nos apercebermos disso, não é mesmo?
Feliz 2011!!!
Sergio S.


Ler mais: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=169717&com_mode=thread&com_order=0&com_id=671298&com_rootid=671284#ixzz1AV0Tkxv5
Under Creative Commons License: Attribution Non-Commercial No Derivatives

Sersank disse...

Sobre “NÓTULAS DE APREÇO À VIDA”
Do site
www.luso-poemas.net
KARLA BARDANZA
Publicado: 08/01/2011 22:24 Atualizado: 08/01/2011 22:24
Colaborador


Usuário desde: 24/6/2007
Localidade: Refúgio das Deusas
Mensagens: 7261
Online!
Re: NÓTULAS DE APREÇO À VIDA
Bravo!Gostei muito.

Karla B


Ler mais: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=169717#ixzz1AV0habo2
Under Creative Commons License: Attribution Non-Commercial No Derivatives

Sersank disse...

Re: NÓTULAS DE APREÇO À VIDA
Obrigado, Karla.
Mas, olhe, este teu poema último, é de intumescer os poros. O AMOR QUE ME DEU UM LUGAR PARA MORRER, que o diga melhor, o Júlio, soa como verdadeira oferenda... de vida.
Abraço,
Sergio S.


Ler mais: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=169717&com_mode=thread&com_order=0&com_id=671304&com_rootid=671302#ixzz1AV16MezO
Under Creative Commons License: Attribution Non-Commercial No Derivatives

Sersank disse...

Por e-mail

de: Rosane Cherem de Abreu
para: sersankojn@googlegroups.com
data 21 de janeiro de 2011 22:15
assunto Re: NÓTULAS DE APREÇO À VIDA

Sérgio, por que sofres tanto?
Faça uma ode à alegria e ao amor! A vida aqui é só uma gotinha, então, temos que viver com alegria aqui porque não há aqui, Lá!
Beijocas!
RO

Adquira o seu exemplar

Adquira o seu exemplar
livro.estadodeespirito@gmail.com

COMENTÁRIO DE ISABEL FURINI, laureada poeta e escritora sobre a obra poética "Estado de Espírito"

http://www.icnews.com.br/2013.03.05/negocios/livros-de-negocios/estado-poetico-de-espirito/

Pesquisar este blog

HINO OFICIAL DE LUIZ ANTONIO

Letra: Sersank (Sergio S. Cunha)
Música: Irineu Santa Catarina


Clique para ouvir

https://www.youtube.com/watch?v=FmWSt6RqGs4

BEBO PAROLAS EN ESPERANTO

ESPERANTO: La solvo (A solução)

ESPERANTO: La solvo (A solução)

Veja aqui a NOTA da Prefeitura Municipal de Londrina sobre o lançamento doLivro de SERSANK

http://www.londrina.pr.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=17367:sergio-sesank-lanca-estado-de-espirito&catid=88:cultura&Itemid=975

EL VIAJE DEFINITIVO - Poema de Juan Ramon Jimenez